DAP Fortaleza (CE) realiza debate sobre conjuntura política

Um grupo com mais de 50 pessoas – entre elas jovens, sindicalistas, militantes do movimento de luta por moradia – este reunido neste sábado (20), em Fortaleza (CE) para um debate a atua conjuntura política e sobre o Processo de Eleição Direta (PED) do Partido dos Trabalhadores.

Na mesa de discussão, a coordenadora do Diálogo e Ação Petista – Ceará, companheira Rita Sá; Eudes Baima e o vereador Guilherme Sampaio, que é candidato do Diálogo e Ação Petista ao cargo de presidente do diretório do PT de Fortaleza. Em pauta, a luta em defesa da Previdência pública e solidária, e a necessidade do PT em enfrentar esse desafio.

Guilherme Sampaio, em sua participação, enfatizou a importância da frase usada pela militância do DAP, “agir como o PT agia”. Em sua opinião, essa frase resume todas as nossas tarefas. “Nosso partido não pode ser resumido a interesses de mandatos e vaidades pessoais”,  afirmou.

Durante a reunião, todos os presentes assumiram o compromisso de construir grupos de base do DAP em seus locais de moradia e trabalho, além de impulsionar a campanha de formação de chapas do DAP para o PED.

De Maracanaú, a companheira Simone fez um relato sobre sua experiência no PT e criticou a falta de politização de alguns companheiros. Para ela, o verdadeiro PT não existe só em período eleitoral. O PT virou um negócio. Sinto falta do PT de Luta, do PT em defesa dos direitos. Não entendo o PT que só existe nas campanhas”, declarou.

Simone também destacou a importância de um debate realizado pelo DAP sobre a reforma da Previdência. A atividade aconteceu no Comitê Lula Livre de Maracanaú. Por fim, a campanheirada participou de uma grande confraternização com feijoada.

Gostou? Comente sua opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: