Debate sobre Venezuela no DF com Embaixador

Em 26 de fevereiro, o DAP-DF promoveu o debate “O que se passa na Venezuela?” . O debate contou com a presença de 80 sindicalistas, militantes e dirigentes de distintas origens, como o ex-ministro Ricardo Berzoini.

A mesa da atividade foi composta por Freddy Meregote (Ministro Conselheiro Encarregado de negócios da Venezuela), Samuel Pinheiro Guimarães Neto (Embaixador, Ex-Ministro de Assuntos Estratégicos do Brasil), o Deputado Distrital Chico Vigilante (PT) e Edison Cardoni (Confederação Nacional dos Servidores Públicos Federais).

A discussão

Edison Cardoni relaciona a situação a partir da política do imperialismo, que no dia 23 de fevereiro, promoveu iniciativa para desagregar a nação, como ocorreu nos Bálcãs, na Líbia e no Iraque. Aborda também o que ocorreu no Haiti a partir da ocupação da ONU. Lembra que 89% da população da Venezuela está contra a intervenção militar e 79% contra bloqueio econômico.

O Deputado Chico Vigilante faz avaliação sobre o problema da democracia, ao questionar que cerca de 50 países reconheceram o autoproclamado Guaidó. Também critica a pretensa ajuda humanitária e declara apoio ao governo Maduro.

O Embaixador Samuel Pinheiro Guimarães explica aspectos geopolíticos, com informações sobre a maior reserva de petróleo do mundo, aspectos sócio-econômicos do país e o papel desenvolvido pelos presidentes Hugo Chávez e Nicolás Maduro no contexto da América Latina.

Freddy Meregote saudou o dirigente do sindicato dos taxistas presente no evento, em nome de Maduro (motorista de ônibus). Aborda que a raiz da ofensiva do imperialismo dos EUA (maior potência bélica do mundo) vem de uma profunda crise econômica e de dominação. Explica a importância da resistência na Venezuela para o continente para a preservação da democracia e autodeterminação dos povos.

Plenário do debate
Plenário do debate

O debate foi importante por reunir militantes com representatividade e expressão política em Brasília para debater e aprofundar aspectos da situação que não estão sendo debatidos na grande mídia privada, o que leva a que se reproduzam falácias mesmo por militantes progressistas. A mesa deu tratamento aprofundado ao assunto do que se passa na Venezuela, abordando os riscos e a necessidade de luta dos povos em unidade contra o imperialismo.

  • Não à guerra! Defesa da Soberania nacional e popular!
  • Não ao golpe e à intervenção na Venezuela!

Marcius Siddartha, Coordenador do DAP-DF
e Secretário da Região Metropolitana do PT-DF

Gostou? Comente sua opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: