No Sarau das Margaridas em SP, a defesa de Luísa Hanune

Um grupo de mulheres do Diálogo e Ação Petista apresentou a campanha ‘Liberdade para Luísa Hanune’ durante o Sarau das Margaridas, que aconteceu na noite desta quarta-feira (17) no Café dos Bancários, em São Paulo. O evento faz parte dos preparativos para a 6ª Marcha das Margaridas (marcada para os dias 13 e 14 de agosto, em Brasília).

Na oportunidade, foram colhidas mais de 100 assinaturas para um abaixo-assinado exigindo a libertação imediata da deputada demissionária, ex-candidata à Presidência e importante dirigente do Partido dos Trabalhadores da Argélia. Luísa Hanune está presa injustamente desde o dia 9 de maio deste ano, após se apresentar para prestar depoimento naquele país.

A iniciativa em defesa de Luísa já foi aprovada pelo Congresso Municipal do PT – Partido dos Trabalhadores (PT São Paulo) e pelas Executivas – estaduais e nacionais – da Central Única dos Trabalhadores (CUT São Paulo e CUT Brasil) e do PT, e pelo próprio companheiro Lula – que se manifestou em carta.

Toda verba arrecadada no Sarau das Margaridas servirá para o financiamento das mulheres da CUT São Paulo na ida à Marcha das Margaridas – evento que acontece a cada 4 anos desde o ano 2000 em homenagem à Margarida Maria Alves, liderança que lutava pelos direitos das mulheres do campo e da cidade, e contra todo tipo de exploração.

Um comentário em “No Sarau das Margaridas em SP, a defesa de Luísa Hanune

Gostou? Comente sua opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: