Livro: A saída é pela Esquerda

A Saída é pela Esquerda‘, nova obra do ativista político Milton Alves, trata dos 18 meses do governo do presidente Jair Bolsonaro e procura desvendar a sua natureza classista e o projeto político da extrema-direita autoritária e ultraliberal.

Ao longo desse período – da posse de Bolsonaro, em 1º de janeiro de 2019 até junho de 2020 – o autor acompanha a evolução da conjuntura e seus desdobramentos políticos: A polarização em curso na sociedade e os projetos das diversas forças sociais para enfrentar a crise política, institucional, econômica e sanitária que arrasta o país para uma encruzilhada histórica sem precedentes.

‘A Saída é pela Esquerda’ faz a defesa clara de um posicionamento político de combate frontal ao governo da extrema-direita presidido por Bolsonaro. Além disso, aponta, sem rodeios, que a saída para a crise em curso no país só é possível com o fim do governo neoliberal e autoritário de Bolsonaro e dos generais -, a serviço das classes dominantes e do imperialismo.

Nos diversos artigos do livro, o autor constata que o maior desafio da esquerda no momento atual – partidos, movimentos sociais, sindicais e a intelectualidade progressista – é formular uma estratégia eficaz e minimamente comum para enfrentar o governo da extrema-direita.

“Para além da demarcação política com a velha direita, que busca um protagonismo pelo comando do processo – Maia, Doria, Fernando Henrique, STF -, a esquerda deve se bater, prioritariamente, na luta em defesa dos trabalhadores e da população mais pobre para resistir à catástrofe econômica e sanitária. Somente assim, organizando a resistência popular, é que iremos acumular as forças necessárias para pôr fim ao governo Bolsonaro. É nesse contexto que se insere a palavra de ordem “Fora, Bolsonaro”, defende Milton Alves.

O autor aponta ainda que a saída democrática da crise demanda a construção de um vasto movimento de massas, organizado na base da sociedade, para derrotar globalmente o projeto das classes dominantes e do imperialismo. Sem isso, a esquerda será abduzida por alguma saída por cima costurada pelo establishment. Ou esmagada pelo fechamento bonapartista do regime, uma opção sempre presente no cardápio da fração dominante da “burguesia nacional”, que comanda e controla as finanças do país.

Os artigos para o livro A Saída é pela Esquerda apresentam quatro blocos temáticos distribuídos ao longo da obra:

  • O caráter do governo Bolsonaro – autoritário, antidemocrático, com traços neofascistas e obscurantistas – Além da forte presença e tutela militar.
  • Aborda o neoliberalismo como eixo estruturante da política econômica do governo; a agenda Guedes de desmonte do estado do estado nacional e das políticas de proteção aos direitos dos trabalhadores, com maior precarização, desemprego massivo e a ampliação crescente da pobreza.
  • A necessidade de uma resistência ativa, além da ação parlamentar e institucional; uma resistência de caráter popular e impulsionada por “baixo”, nas ruas e nas redes, pela esquerda.
  • A saída democrática da crise, sob hegemonia da esquerda, sem arranjos e acordos com a chamada Frente Ampla de FHC e da velha direita em aliança com os dissidentes do bolsonarismo; a campanha pelo Fora Bolsonaro. A alternativa do impeachment e a anulação das farsas judiciais da Lava Jato contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, um ato de recuperação democrática -, que ganhou mais reforço agora com a confirmação das ações criminosas da força-tarefa de Curitiba em conluio os agentes do FBI – a polícia federal norte-americana.

A Saída é pela Esquerda também faz também uma ponte com o livro anterior do autor ‘A Política Além da Notícia e a Guerra Declarada Contra Lula e o PT’, lançado em agosto de 2019, que faz uma abordagem passo a passo do papel da Lava Jato no golpe contra o governo da presidente Dilma Rousseff em 2016, favorecendo as condições políticas para a emergência de um governo da extrema-direita no país.

O livro foi prefaciado pelo presidente do PT de Curitiba e ex-deputado, Angelo Vanhoni, e conta com a apresentação do jornalista Esmael Morais.

Serviço:
A Saída é Pela Esquerda – Milton Alves (Kotter Editorial)
Pré Venda – R$ 39,90 – versão impressa disponível em 30 de outubro
kotter.com.br/loja/a-saida-e-pela-esquerda

Gostou? Comente sua opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: